Poderia ser história de livro, enredo de filme ou dramalhão de novela, mas é só mais um dia normal no Brasil mesmo.

Um jovem, de aproximadamente 20 anos, tem se vestido com roupas de origem judáica (inclusive o quipá, o típico chapéu) e entrado em condomínios de luxo no bairro de Higienópolis, região nobre de São Paulo. Para enganar os porteiros, ele finge ter um sotaque estrangeiro e diz que vai fazer uma entrega ou simplesmente passa desapercebido junto com os moradores.

Ele já teria furtado jóias, dinheiro e pertences diversos dos apartamentos. No total, mais de seis apartamentos já foram invadidos entre as ruas Itacolomi, Maranhão e Alagoas. Segundo uma matéria do O Estado de S. Paulo, o jovem infrator foi detido durante a sua última tentativa de assalto, mas ele foi liberado após o pagamento de R$ 880,00 de fiança. O nome dele? Francisco Danilo Cordeiro Rocha, balconista e praticamente um mestre do disfarce.

higi-judeu

Tentei conversar com alguns moradores, mas nenhum quis dar informações temendo represálias. Segundo um porteiro da rua Itacolomi, que também preferiu não se identificar “A ordem é ficarmos todos atentos, a segurança privativa da região já foi reforçada. O problema é que pendem o rapaz, ele paga fiança e saí da cadeia no mesmo dia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *